Brasil é revelado na Beyond Beauty Paris 2007

ANÚNCIO
A revolução natural aquece a indústria cosmética brasileira, apresentada na Beyond Beauty esta semana em Paris.
Para o mercado de produtos naturais, o Brasil é visto como um jardim repleto de potenciais ativos cosméticos entre suas cerca de 13000 diferentes espécies de plantas.
As exportações brasileiras estão crescendo com o mercado de produtos naturais. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), as vendas dobraram nos últimos três anos, atingindo a cifra de US$ 294 em 2006. As vendas internas também aumentaram, demonstrando que a indústria brasileira da beleza também abastece os consumidores brasileiros conscientes.
O mercado doméstico cresceu em 26% no último ano, atingindo um total de vendas em US$ 18,2 bilhões. E o Brasil passou a frente da França e da Alemanha, ocupando o terceiro lugar entre os maiores mercados cosméticos do mundo, atrás de Estados Unidos e Japão.
A Abihpec apresenta essa semana, durante a Beyond Beauty Paris 2007, os produtos de nove indústrias brasileiras: Brazilian Feeling, Brazilian Fruit, Du Plessis (Amazonia Viva), Kanechomn, Nunaat Cosmetics, Sther, Surya Brasil, Tricofort e Vive Cosmetique.
A Abihpec e as empresas brasileiras esperam uma participação de suceso esta semana e já pretendem manter a estratégia para os próximos anos. A estimativa de crescimento para a indústria cosmética brasileira é de 12% em 2007, com promessas de investimento para o setor em cerca de US$ 100 milhões até 2010.

Opinião do autor: Se deixou de ser o quarto mercado mundial de cosméticos ou não, pouca diferença faz. O que mais impressiona é o amplo crescimento e desenvolvimento do setor no país. Há 20 anos atrás, um shampoo era composto basicamente por de lauril sulfato de sódio, betaína e água, hoje, mesmo os shampoos com posicionamento de baixo valor agregado têm excelente desempenho e aceitabilidade pela população. O brasileiro ganha na qualidade e na diversidade e, felizmente, na pesquisa de novos ativos. Engana-se quem acha que o Brasil pouco investe em pesquisas nessa área, mas isso é assunto para um outro post.

Saiba mais: Abihpec; Beyond Beauty Paris 2007.

Notícia original: MONTAGUE-JONES, G. Brazil reveals all at Beyond Beauty Paris. Acesso em 02/10/2007