Início » Editorias » Eventos e Cursos » Como foi a in-cosmetics Latin America 2017
ANÚNCIO

Nos dias 20 e 21 de setembro um total de 4689 profissionais visitaram a in-cosmetics Latin America 2017. Foram representantes de pequenas, médias e grandes empresas como Natura, O Boticário, Unilever, P&G, Johnson & Johnson, Hypermarcas, Beiersdorf, L’Oreal, Colgate-Palmolive, Estée Lauder, Mary Kay, Avon e Coty, entre outras.

“9% do público total veio de países como Argentina, Colômbia, Chile, Paraguai, República Dominicana, Peru e México. O expressivo número de participantes internacionais foi obtido graças ao exclusivo programa dedicado a novos visitantes de fora do Brasil, que os trouxe para o evento para conhecer as novidades locais e fazer contatos e negócios com nossos expositores”, explica Daniel Zanetti, diretor da feira.

Foto: Divulgação in-cosmetics Latin America

Para John Jimenez, da empresa colombiana Belcorp, “a in-cosmetics Latin America nos permite receber informações técnicas em primeira mão e, também, realizar reuniões efetivas com os maiores fornecedores de matérias-primas do mundo. Este ano, encontrei produtos muito interessantes e novos conceitos que, sem dúvida, nos inspiram no desenvolvimento de inovações para indústria cosmética”.

Os expositores da in-cosmetics Latin America 2017

Foram cerca de 151 fornecedores de matérias-primas, incluindo 80% dos 15 maiores fabricantes globais. Uma oportunidade de contato direto e de desenvolvimento de projetos e negócios com nomes como Ashland, Sensient, Clariant, Gattefossé, Chemyunion, Givaudan, Ikeda, Lonza, Croda, Beraca, entre outros. Como em todos os anos, novos expositores também somaram para um resultado ainda mais completo. Alguns deles: Amanter, Assessa, Autec, Citrefine, Dow, Dupont, Hallstar, SEPPIC Brasil e Vollmens Fragrances.

A Dow apresentou 21 protótipos formulados com tecnologias Dow e Dow Corning baseados em quatro tendências atuais. “Trouxemos para a exposição o conceito de novas tendências, o que foi muito interessante, pois o cliente pôde experimentar e vivenciar através dos protótipos apresentados o que será novidade nos próximos meses”, afirma Gislene Attilio Meyer, gerente de marketing da Dow.

  • Na tendência Selfie o objetivo foi oferecer produto para deixar as fotos cada vez mais perfeitas com o uso do Dow Corning 9576 Smooth Away Elastomer, que oculta rugas e linhas finas de expressão com efeito matte. Para os cabelos foi sugerida uma mistura que confere redução de frizz, brilho e secagem rápido com UCON Fluid AP e Dow Corning 556.
  • A segunda tendência foi Esportes: pesquisas apontam que 48% dos brasileiros se exercitam regularmente, com isso surge a necessidade de produtos que possam ser usados antes, durante e depois dos exercícios com redução de atrito na pele, maior resistência da maquiagem ao suor e protetores solares que repelem areia. Para isso recomendara a tecnologia Dow Corning FA 4103.
  • A tendência Natural Look busca oferecer produtos para quem deseja aparência natural, ressaltando características individuais como a cor da pele, definição de cachos e alinhamentos dos fios de cabelo. Os ingredientes sugeridos para os cabelos foram UCON Fluid AP e Dow Corning HMV 2220. Já para o rosto a indicação foi o Dow Corning EI-9241 que protege contra a luz azul emitida por computadores, celulares e tablets.
  • A última tendência apresentada foi o mercado masculino, que vem crescendo e deve gerar US$ 11,3 bilhões em vendas na América Latina. Para atender a esse público cada vez mais assíduo aos tratamentos cosméticos, a sugestão foi uma formulação multifuncional com Ecosmooth Satin e Dow Corning 2501 Cosmetic Wax, que proporcionam hidratação, espuma reforçada e fragrância de longa duração.

A Cosmotec apresentou o pacote de tendências Celebrando o Futuro, com ingredientes de suas representadas Floratech, Interpolymer, SunChemical e Vivimed. Mas a grande novidade foi a ampliação de seu portfólio com a inauguração de uma Divisão Fragrâncias em parceria exclusiva com a casa de perfumaria francesa Expressions Parfumées. Para os cabelos, a proposta foi um condicionador com estrutura sólida que emulsiona e se funde ao entrar em contato com a água morna e fricção. É o Tropical Bar Conditioner que associa óleos e manteigas vegetais, conferindo nutrição, brilho, condicionamento, maciez e maleabilidade aos fios de cabelo. Para os cuidados com a pele, a sugestão foi um esfoliante facial em pó que promove limpeza e renovação da pele com sensorial macio e sedoso que, em contato com a água, forma uma espuma leve e cremosa. Para a categoria de maquiagem, a Cosmotec apresentou sombras inspiradas em efeitos especiais com pérolas e pigmentos que promovem brilho e efeito de viagem de cores. Os protótipos apresentados foram Gold Flame (que faz transição do laranja ao preto), Sailor Blue (que faz transição do azul ao preto), Hazelnut (um nude clássico com brilho 3D) e Prisma (um violeta holográfico com efeito prisma).

Sombras apresentadas pela Cosmotec.
Foto: Divulgação.

A quantiQ, agora parte do grupo GTM, apresentou lançamentos voltados para a tendência Beauty Experience, inspirado em novas texturas. A proposta é utilizar o sensorial para envolver os sentidos e construir conexões mais fortes entre seus clientes e consumidores. Além dos ativos da linha Oleoactif, do grupo HallStar, foram apresentados os seguintes lançamentos:

  • Prodew 600, da Ajinomoto, que é um coquetel de aminoácidos biomiméticos ao NMF (fator natural de hidratação) da pele, com atividade de hidratação e efeito anti-aging comprovados através de estudo de eficácia.
  • Aquadew SPA 30B, da Ajinomoto, derivado do ácido poliaspártico encontrado em proteínas vegetais como o aspargo e a soja, que promove prevenção de danos, redução e volume e frizz mesmo em dias chuvosos (o chamado conceito umbrela).
  • Olivem 2020, da HallStar, que é um emulsionante à frio derivado da oliva, capaz de estabilizar produtos com alta carga oleosa.
  • Keltrol CG LAX-T, da CP Kelco, que é uma goma xantana, espessante usado comumente em produtos naturais e veganos.
  • Tylose HS 30000 YP2, da ShinEtsu, que é um derivado de celulose indicado para modificar a reologia dos produtos.

A alemã Merck também focou seus lançamentos no sensorial e na importância da seleção adequada de matérias-primas para se obter um produto final de qualidade. Entre os novos produtos apresentados estão o Ronastar Red Allure, que faz parte do programa Smart Effects de pigmentos luminosos foscos, cujo vermelho lembra o calor da Borgonha e a roupa dos reis, possibilitando texturas diferenciadas com um ingrediente mineral. O outro lançamento foi o Ronastar Flaming Lights, que apresenta brilho metálico, em intensidade graças a forma como reflete a luz.

Chemyunion lançou ativo derivado da água de coco.
Foto: Divulgação.

A Chemyunion apresentou duas novidades que vão ao encontro de tendências bastante presentes no Brasil e no mundo: a detoxificação e a poluição. Um dos conceitos que envolve a detoxificação está na remoção de metabólitos residuais produzidos pelas células que gastam energia para garantir que os processos metabólicos estejam constantemente ativos. Levando em consideração a relevância do processo de detoxificação mitocondrial, que influencia na viabilidade celular, manutenção e funcionalidade das estruturas da pele bem como na menor probabilidade de reatividade tópica a substâncias químicas, a Chemyunion desenvolveu o MitoClean, um ingrediente poderoso obtido a partir da água de coco que proporciona os micro e macronutrientes necessários para estimular a detoxificação mitocondrial na pele. Outro lançamento da Chemyunion foi o Polluout, composto por polissacarídeos vegetais associados ao chá verde, pantenol e xilitol, que forma filme protetor flexível e reduz a deposição de poluentes ao mesmo tempo em que proporciona benefícios imediatos aos cabelos. Para Jorge Ferré, diretor comercial da Chemyunion, “a in-cosmetics é um evento exclusivamente voltado a negócios, principalmente, projetos de futuro. A participação foi muito positiva e nossa expectativa é estar presente na edição de 2018”.

A Clariant apresentou o novo ativo Eosidin, premiado na categoria Prata no Prêmio Itehpec de Inovação. Trata-se de um extrato obtido na Coreia do Sul, enriquecido para proteger a pele dos danos causados pela poluição em ambientes internos, que se refere ao acúmulo de metais pesados e de outros materiais, desencadeando uma série de irritações e condições atópicas da pele. Outro destaque vai para o novo tensoativo secundário desenvolvido em parceria com a Beraca a partir do óleo de pracaxi. O Capillus Pro 22 pode ser usado em condicionadores, cremes de tratamento, máscaras capilares, cremes de pentear, etc.

Lançamento da Clariant em parceria com a Beraca.
Foto: Divulgação.

Prêmio Itehpec de Inovação

Organizada pelo Instituto de Tecnologia e Estudos de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Itehpec), a ação foi criada para reconhecer e incentivar os expositores da in-cosmetics Latin America, além de reforçar a estreita relação entre inovação, tecnologia e a indústria de produtos HPPC. Desta vez, a Silab foi reconhecida na categoria ouro, a Clariant ficou com a prata e a Lipotec com o bronze.

Gustavo Boaventura

Gustavo Boaventura

Diretor de Conteúdo
Farmacêutico Industrial pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Especialista em Pesquisa & Desenvolvimento de Produtos Cosméticos. Mestre em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) com foco no consumo de cosméticos masculinos. Experiência em Pesquisa & Desenvolvimento de produtos capilares.
É o idealizador e criador do Cosmética em Foco e escreve desde 2007.

Todos os textos

ANÚNCIO

ANÚNCIO

ANÚNCIO