Sodium Laureth Sulfate

publicado

INCI Name: SODIUM LAURETH SULFATE
Nome português: Lauriletersulfato de sódio, lauril éter sulfato de sódio, lauril líquido
CAS Number: 3088-31-1 / 13150-00-0 / 9004-82-4
Funções: Limpador, Espumante, Tensoativo – Limpador, Tensoativo – Emulsionante
Aspecto: Líquido límpido a levemente amarelado
Solubilidade: Altamente solúvel em água
Nomes comerciais: Alkopon N, Colonial SLES, Galaxy LES, STEOL 23 2S, STEOL CS, Sulfochem ES e Texapon N.

Estrutura Química do Sodium Laureth Sulfate

Fórmula estrutural do Sodium Laureth Sulfate

Detalhes

Tensoativo aniônico obtido através da reação de álcool laurílico etoxilado (derivado do óleo de palmiste) com SO3, seguida de neutralização com hidróxido de sódio.

Esse tensoativo possui em sua molécula uma parte lipofílica, composta pela cadeia graxa do álcool laurílico, e uma parte hidrofílica formada pelos grupos sulfato e óxido de eteno. Esta estrutura química confere ao Laurilétersulfato de sódio excelente solubilidade em água, alta detergência, rápida molhabilidade, alto poder espumante, e características como emulsionante e espessante na presença de eletrólitos como o cloreto de sódio (NaCl). Essas propriedades que fazem deste ingrediente um dos principais tensoativos utilizados em formulações de xampus, sabonetes líquidos, banhos de espuma, cremes dentais e diversos produtos detergentes e limpadores em geral.
A presença de grupos de óxido de eteno aumenta a solubilidade, proporciona menor ponto de turvação e aumenta a resistência à dureza da água (a água dura contém alta concentração de íons metálicos bivalentes que afetam significativamente a formação de espuma). Além de diminuir o poder irritante dérmico e ocular do lauriléter sulfato de sódio quando comparado ao laurilsulfato de sódio (que não é etoxilado).

Anúncio

As formas comerciais mais comuns de laurilétersulfato de sódio são em pasta a 70% ou solução a 27% com algum sistema conservante. Há versões da solução também sem conservantes com alto pH.

Propriedades: Suas principais propriedades são ação detergente (remoção de gorduras e sujidades de superfícies), ação espumante (forma bastante espuma, mesmo em água dura) e ação solubilizante (facilita a solubilização de pequenas quantidades óleos em soluções aquosas).

Usos e aplicações: Usado em shampoos, shower gels, sabonetes líquidos, demaquilantes e cremes dentais em concentrações costumam variar de 3 a 30%.

Anúncio

Compatibilidade: Em pH abaixo de 3 pode ocorrer a hidrólise do radical sulfato.

Origem: Vegetal e sintética (o óxido de eteno pode ser de origem vegetal, da cana-de-açúcar, ou mineral, do petróleo).

Anúncio

Por Gustavo Boaventura

Criador e Diretor de Conteúdo. Farmacêutico Industrial pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Especialista em Pesquisa & Desenvolvimento de Produtos Cosméticos. Mestre em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) com foco no consumo de cosméticos masculinos. Bacharel em Administração pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Experiência em Pesquisa & Desenvolvimento de produtos capilares. É o idealizador e criador do Cosmética em Foco e escreve desde 2007.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.