Triethyl Citrate

publicado

INCI Name: TRIETHYL CITRATE
Nome português: Citrato de Trietila
Sinônimos: TEC, Trietil Citrato,
CAS Number: 77-93-0
Funções: Fragrância, Odorizante, Plastificante
Aspecto: Líquido oleoso incolor límpido
Solubilidade: Insolúvel em água, óleo mineral, ciclopentasiloxano, dimeticone e isododecano. Miscível com propilenoglicol, etanol e óleo de rícino.
Nomes comerciais: Citrofol AI, Deotec, Dermofeel TEC, Pelemol TEC, Triethyl Citrate (TEC)

Estrutura Química do Triethyl Citrate

Estrutura química do Citrato de Trietila (Triethyl Citrate)

Detalhes

O Citrato de Trietila (Triethyl Citrate) é o triester formado a partir da esterificação do ácido cítrico e etanol. Em produtos para a pele, ele proporciona a sensação de efeito almofada e sedosidade única similar a silicones. É um éster 100% vegetal usado em perfumes, cremes, loções, maquiagens, fixadores de cabelo e desodorantes. Ele promove hidratação devido a ação semi-oclusiva na pele, além de fazer liberação prolongada de um alfa-hidroxiácido (ácido cítrico).

Propriedades: O Citrato de Trietila (Triethyl Citrate) é o éster obtido a partir do alfa-hidróxiácido ácido cítrico. Como ele tem a propriedade de inibir a decomposição enzimática do suor, é um excelente ativo natural para desodorantes, pois inibe a formação do mau odor. Por sua característica oleosa, ele é considerado um bom solvente para fragrâncias, ajudando a aumentar a durabilidade de perfumes e deocolônicas. É um bom dispersante para filtros UV orgânicos e micas. Também pode ser usado como plastificante em esmaltes e produtos aerossol.
Aplicações: Indicado para desodorantes, perfumes, deocolônicas, produtos para o rosto, cabelos e corpo, maquiagem.
Usos: Concentração recomendada de 1 a 5%.
Compatibilidade: Não há relatos de incompatibilidades.
Origem: Vegetal

Anúncio

Ação desodorante do Citrato de Trietila (Triethyl Citrate)

Para evitar a formação do mau odor corporal (popularmente chamado de cc ou cheiro de corpo), uma das estratégias é impedir que as bactérias do microbioma cutâneo decomponham o suor.

A regulação do pH da pele, inibe a atividade da enzima esterase que é a grande responsável pela decomposição do suor pelas bactérias Gram-positivas em subprodutos com odor desagradável. É exatamente esse o mecanismo de ação desodorante do citrato de trietila, que ao ser hidrolisado pela enzima esterase, forma etanol e ácido cítrico que mantêm o pH da pele baixo, reduzindo a degradaçao do suor. A função tampão natural da pele, lentamente neutraliza o grupo ácido e eleva novamente o pH, reativando as enzimas, sem danos à pele ou desequilíbrio do microbioma cutâneo.

Uma vantagem do Citrato de Trietila é que ele não é bacteriostático ou bactericida, então não vai afetar negativamente o microbioma cutâneo, ajudando a manter o equilíbrio na região e reduzindo riscos de reações alérgicas.

Anúncio

Dessa forma, o citrato de trietila (Triethyl Citrate) pode ser considerado um ativo desodorante eficaz e seguro, pois

  • não interfere nos processos biológicos naturais da pele;
  • não bloqueia o suor (não é um agente antitranspirante);
  • não acumula na pele mesmo com uso diário;
  • é seguro mesmo em casos de suor excessivo;
  • apresenta boa interação com outros ingredientes cosméticos.

Por Gustavo Boaventura

Criador e Diretor de Conteúdo. Farmacêutico Industrial pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Especialista em Pesquisa & Desenvolvimento de Produtos Cosméticos. Mestre em Comunicação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) com foco no consumo de cosméticos masculinos. Bacharel em Administração pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Experiência em Pesquisa & Desenvolvimento de produtos capilares. É o idealizador e criador do Cosmética em Foco e escreve desde 2007.

2 comentários

  1. Olá! Obrigada pelo conteúdo, gostaria de saber se é seguro o uso em desodorante para criança, adolescente e gestante. Muito obrigada.

    1. Olá Jane! O uso indicado seria para indivíduos a partir de 12 anos. No caso de gestantes, não encontramos dados, mas de qualquer maneira o uso de produtos durante a gestação deve ser acompanhado por obstetra. Para crianças, qual seria o uso indicado? Crianças têm complicações cutâneas que necessitem do uso deste ingrediente?

Comentários estão encerrados.